Conheça 8 benefícios que o uso de medicamentos manipulados pode trazer para a saúde

0

Quando você tem um receituário em mãos, você opta por medicamentos tradicionais ou prefere os manipulados? Este artigo vai apresentar a você os 9 benefícios que o uso de medicamentos ou produtos manipulados podem trazer para a sua saúde.

Produtos manipulados são preparados de acordo com a prescrição que um médico, nutricionista, dentista ou outro profissional habilitado fez para seu paciente. A fórmula é preparada por um farmacêutico e é específica para atender as necessidades de tratamento de um indivíduo específico. Conheça agora os demais benefícios!

1. Tratamento ideal

Conforme já mencionado, o medicamento manipulado é feito sob medida para um determinado paciente. Esse fato possibilita a formulação mais adequada ao biotipo do paciente, suas restrições e necessidades particulares.

A manipulação viabiliza ainda, a produção do medicamento em diferentes formatos como gotas, cápsulas, cremes, entre outros, podendo se adequar às preferências e necessidades do cliente.

2. Custo-benefício

Na maioria das vezes, o preço de medicamentos manipulados é menor do que o valor cobrado em medicamentos comuns, considerando a quantidade e concentração de ativos, sendo que a diferença pode chegar até 50%. Além disso, esses produtos são feitos para durar exatamente o tempo do tratamento prescrito, evitando desperdícios e descarte irregular.

3. Tratamento mais completo

A manipulação permite ao profissional de saúde prescritor fazer associação de substâncias que proporcionarão tratar diferentes problemas com um só medicamento, garantindo maior facilidade, adesão e economia no cuidado com a saúde.

Outro benefício nesse sentido, é que a manipulação não é restrita apenas ao tratamento de doenças. Produtos como soluções cosméticas, suplementos alimentares e vitamínicos também podem ser manipulados.

4. Rótulo personalizado

O rótulo presente em um medicamento manipulado traz o seu nome, apresenta exatamente as substâncias utilizadas em sua composição, assim como as suas dosagens, informa como deve ser administrado, sugerindo, inclusive, a melhor hora do dia para seu uso.

Beneficios dos medicamentos manipulados

5. Preservação ambiental

As farmácias de manipulação são regidas por diretrizes que visam evitar a contaminação ambiental por substâncias químicas utilizadas em seus processos. Todo o ar proveniente dos laboratórios é filtrado, os resíduos são incinerados por empresas especializadas.

6. Medicamentos únicos

Certas patologias demandam fórmulas únicas, baseadas no perfil do paciente, da mesma forma que algumas outras contam com poucas opções de medicamentos industrializados. Existe ainda, aqueles medicamentos tradicionais que por razões diversas tiveram sua comercialização descontinuada.

Nestes casos, a manipulação pode ser a melhor ou até mesmo a única forma de obter um tratamento adequado.

7. Atendimento personalizado

Por meio da manipulação de medicamentos, seu atendimento será totalmente personalizado, tendo em vista que o profissional farmacêutico dedicará tempo à preparação do produto e em caso de qualquer questionamento, poderá entrar em contato direto com o médico ou profissional que elaborou a receita.

8. Rastreabilidade

Na manipulação, todos os componentes da fórmula são rastreáveis, desde o fabricante ao distribuidor no Brasil,  podendo ser observado o lote de fabricação, validade e todas as características de qualidade do insumo, assim como é também rastreável o profissional que prescreveu a fórmula, seu código profissional, endereço e contato, e o profissional que preparou a formulação e o que realizou o atendimento da receita e a entrega do produto final. Esse rastreamento gera a maior e melhor segurança para o usuário do produto e para a farmácia que o prepara.

DICA BÔNUS! Confiabilidade dos produtos

As farmácias de manipulação devem atender a critérios que têm como objetivo garantir a qualidade e segurança dos produtos oferecidos.

Em geral, o consumidor deve verificar se o estabelecimento possui licença de funcionamento e certificações emitidas por órgãos como a Vigilância Sanitária e a ANVISA, que são responsáveis pela fiscalização desses locais.

Para finalizar, vale lembrar que todo medicamento deve ser prescrito por um profissional capacitado para tal função. A automedicação pode desencadear sérios problemas para a saúde.

Você tem interesse por assuntos relacionados à saúde e bem-estar? Então, acesse nosso blog e veja nossos outros conteúdos.

Compartilhe no Facebook

Os comentários foram encerrados.